segunda-feira, 25 de junho de 2012

Mariazinha e Augusto !!!

Hoje meus pais comemoram 52 anos de Casados! Parabéns Mariazinha Colucci Picollo e Augusto Picollo!
Escolhi os poemas da Mariazinha que falam de CORAÇÃO para homenageá-los.

Coração quanta emoção

Coração de crianças,
Quantas lembranças.
Coração de adolescente,
Sempre querendo estar na frente.

Coração de namorado,
Sempre apaixonado.
Coração de adulto,
Preocupado, resoluto.
Coração de casado,
Precisa estar seguro,
E não diz sempre estar apaixonado.
Coração de idoso,
Cansado, silencioso.
Janeiro 2009  Mariazinha Colucci Picollo


Coração triste e sofredor
Todo aquele que sofre sem amor
Coração de luto
É aquele que chora
Coração esperançoso
É aquele que espera duvidoso
Coração que mente é o que mais sente
Coração aflito
Coração bendito
Coração materno
Coração eterno
Coração alegre
Coração entregue
Coração vazio
Coração sombrio
Coração perfeito
Esse e o mais feliz
Coração que dá
Coração do amor
Puro como a flor
O grande coração
Que sofrendo ingratidão
Sempre encontrará razões
Para mil perdões.
14/07/1974  Mariazinha Colucci Picollo



sábado, 23 de junho de 2012

Quitutes Juninos !!!

Quitutes Juninos? ou será Quitutes para o Ano todo?





Apreciar um bolo de fubá com cafezinho, comer aquela pipoca deliciosa de cinema ou a que o Guto prepara, pé de moleque, paçoquinha, sagu, cural, cuzcuz, e outras gostosuras, não se restringe apenas no mês de Junho, mas degustamos ao decorrer do Ano.
Existem duas explicações para o termo festa junina. A primeira explica que surgiu em função das festividades que ocorrem durante o mês de junho. Outra versão diz que esta festa tem origem em países católicos da Europa e, portanto, seriam em homenagem a São João.
De acordo com historiadores, esta festividade foi trazida para o Brasil pelos portugueses, ainda durante o período colonial (época em que o Brasil foi colonizado e governado por Portugal).
Nessa época, havia uma grande influência de elementos culturais portugueses, chineses, espanhóis e franceses. Da França veio a dança marcada, característica típica das danças nobres e que, no Brasil, influenciou muito as típicas quadrilhas. Já a tradição de soltar fogos de artifício veio da China, região de onde teria surgido a manipulação da pólvora para a fabricação de fogos. Da península Ibérica teria vindo a dança de fitas, muito comum em Portugal e na Espanha.
Todos estes elementos culturais foram, com o passar do tempo, misturando-se aos aspectos culturais dos brasileiros (indígenas, afro-brasileiros e imigrantes europeus) nas diversas regiões do país, tomando características particulares em cada uma delas.[fonte:brasilcultura.com.br].


Bolo de Fubá cremoso da Tia Leonor



Pipoca do Guto

Pão de Mel - Chocolates Salton




Sagu

Enroladinhos de Salsicha


Bolo de Paçoca - Mariazinha


Cuzcuz




Manjar Branco - Cural - Canjica




Pão de Calabresa - Moinhos de Vento




Bolo de Milho

Bolo de Fubá com Goiabada



Paçoquinha

Torta de berinjela

Pinhão

Pão de Cebola - Anna Paula


Receitas

Bolo de fubá cremoso da tia Leonor 

Bater no liqüidificador:
2 xic de fubá 
2 xic de açúcar 
1 colher de sopa de farinha de trigo
3 xic de leite
3 ovos
1 xic queijo ralado
2 colheres sopa de margarina 
1 colher de sopa de fermento 
1 pitada de sal

Coloque em uma forma untada e asse !

Enroladinho de Salsicha
Em uma tigela coloque 1xic de água, 1 ovo, 3 col de açucar, 3 col de óleo, 30 gr de fermento p/ pão, 1 col de sal. deixe crescer um pouco e coloque a farinha de trigo aos poucos até dar ponto de sovar. Deixe crescer. Abra a massa bem fina, corte em triangulos. Coloque uma gota de ketchup em cada triangulo e a salsicha cortada em 3 partes. Enrole, pincele com ovo e leve ao forno para assar.

Pão de cebola

Bata no liquidificador:
3 ovos, 2 copos de leite morno, 1 copo de óleo, 1 cebola grande, 1 col de sal, 2 col de açucar, 50 gr de fermento para pão. Coloque farinha até dar consistencia. Faça os pãezinhos, pincele com ovo e asse.

Torta de Berinjela
Bata no liquidificador:
4 ovos, 2 xic de leite, 1 xic de óleo, 1 xic de maizena, 1 xic de farinha de trigo, 1 col de sal, 1 col de sopa de feremto em pó. Colque essa mistura em duas formas e os recheios podem variar.
Para o receheio de berinjela:
Refogue duas berinjelas picadas, com alho e cebola desidratado (pode ser fresco), orégano, salsinha, azeitona picada. Coloque o recheio em cima da massa e decore com fatias de tomate e fatias de mussarela, leve ao forno.

Bom Apetite nas Festas Juninas e para o Ano todo também!!!!!!


terça-feira, 12 de junho de 2012

Dia dos Namorados

Dia dos Namorados

História do Dia dos Namorados no Brasil (12 de junho)
No Brasil, a data apresenta uma história bem diferente, pois está relacionada ao frei português Fernando de Bulhões (Santo Antônio). Em suas pregações religiosas, o frei sempre destacava a importância do amor e do casamento. Em função de suas mensagens, depois de ser canonizado, ganhou a fama de “santo casamenteiro”. Portanto, em nosso país foi escolhida a data de 12 de junho por ser véspera do dia de Santo Antônio (13 de junho). Assim como em diversos países do mundo, aqui também é tradição a troca de presentes e cartões entre os casais de namorados ( fonte:suapesquisa.com)

Para comemorar O Dia dos Namorados a sugestão é uma bela massa acompanhada de Bracciola recheada com salame e azeitona picada, cozida na panela de pressão com o molho de tomate de sua preferência. Uso o coxão mole em bifes bem fininhos para preparar as bracciolas e prendo-as com palito.   

O vinho tinto é bem-vindo!



Bracciola 

                                                                                                                 

Brigadeirão


Bater bem no liquidificador:
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
1 xic de chocolate em pó
1 colher (de sopa) de manteiga
3 ovos
Unte muito bem uma forma de anel própria para microondas
e leve a potência máxima por 6 a 8 minutos.
Desenforme morno e enfeite com chocolate granulado e cerejas.                                                                                             


                                                                                       Strudel de Goiabada

Faça uma farofa com 500 gr de farinha de trigo e 250gr de margarina. Junte 1 colher de sopa de fermento em pó e 1 xic de leite.
Abra a massa (não muito fina), corte tiras de 8 cm de largura e recheie com a goiabada cortada em tiras. Enrole como rocambole e pincele com gema batida com açucar. Coloque em uma assadeira untada e leve ao forno para assar e corar.
Se desejar passe no açucar de confeteiro.





Bom Apetite!!!!!!


segunda-feira, 11 de junho de 2012

Veneza


Um mundo aos seus pés (4)

Veneza=Venezia: é romântica, não existe outra igual, cenário de vários filmes e obras literárias.

Ao chegar em Veneza de avião pelo Aeroporto Marco Polo ou de trem pela Estação Santa Luzia, a  imagem que se observa parece de um quadro, cenário de filme,  emoção, muita emoção.
Navegar pela cidade de ônibus chamados de  vaporetti, taxi que são as lanchas ou apenas dar uma volta de Gôndola, são transportes inusitados, mas caminhar por Veneza é incomparável.
Pegue um vaporetti até Murano que é a ilha dos cristais, o passeio é curto, na volta pegue o vaporetti e desça na Piazza San Marco, e deleite-se em caminhar até a estacão de trem passando por todas aquelas ruas repletas de lojas, restaurantes e encontrando turistas do mundo todo.
Aconselho hospedar-se em Treviso, no Hotel Continental, localizado a 100m da estação de trem e à meia hora de Veneza. A cidade é um primor, bem cuidada, restaurantes aconchegantes e ruas lindas para caminhar. É tudo muito perto, vale a pena pegar o trem em Treviso e conhcer várias cidades como Verona, Padova, Belluno (estação de ski),  passeios que levam 1/30 de belíssimas paisagens. Tudo muito organizado e belo.
Um fato curioso é a famosa Ponte dos Suspiros que torna-se romântica ao passear de gôndola, pois essa ponte ligava o Palácio Ducal (Palazzo Ducalle) à prisão, em que os condenados davam um último suspiro e iam para a execução.


Ponte dos Suspiros 


                                                              Basílica de São Marcos
                                                                                                                                                                         




Murano


quarta-feira, 6 de junho de 2012

Strogonoff !!!

 Quitute fácil, rápido e gostoso. Acompanha bem o strogonoff de carne, de camarão e o fricasse de frango com palmito.

                                                              Batatas sautee ao curry
 
 Batatas sautee ao curry 

Ingredientes:

batatas cortadas em rodelas
sal, azeite, orégano, e curry

Preparo:
coloque as batatas em rodelas em um refratário que vá ao microondas e acrescente os temperos. Capriche no azeite.
Cubra com filme plástico deixando uma pequena abertura 
para sair o vapor. Leve ao micrrondas por 10 minutos e 
verefique se está as batatas estão macias. Caso contrário,
volte ao microondas por mais 3 ou 5 minutos. 




fricasse de frango com palmito

                                                                                                                   Strogonoff de camarão

 
 Strogonoff de carne com champion
 

Arroz


Bom apetite!!!!